google-site-verification: google434d3c9a17942fe6.html
 
Buscar

Florada das Cerejeiras deixa clima de inverno agradável em Piedade

Atualizado: 22 de fev.

Todo ano, entre o final de junho e começo de julho o frio e as flores de cerejeira deixam a cidade ainda mais atraente



Piedade é uma das cidades mais frias da região de Sorocaba, nos últimos dias foi registrada a menor temperatura do ano na cidade que amanheceu com geada. O termômetro localizado próximo à rodoviária foi a 0° C às 6h30 da manhã.


A poucos metros, na Avenida Marginal, um espetáculo em tons de rosa é proporcionado pela florada das cerejeiras. A atração e a combinação das baixas temperaturas tornam a cidade ainda mais encantadora.


Em Piedade faz bastante frio por causa do nível da altitude, estamos a 1.227 metros em relação ao nível do mar.


O município também fica em um vale formado pela Serra de São Francisco e a Serra de Piraporinha e isso causa variações bruscas no clima.


O fenômeno ocorrido por aqui é bem parecido com o que acontece na cidade de Campos do Jordão. Ambas possuem altitude elevada em comparação com outras cidades do entorno.


Florada das Cerejeiras



Todos os anos, nessa época, a Avenida Marginal atrai turistas da região para fotografar e contemplar as pequenas e belas flores das árvores trazidas pela comunidade japonesa.


As cerejeiras, um dos símbolos de Piedade, foram plantadas em 1988, em comemoração aos 80 anos da imigração japonesa. Desde então, deixam o inverno piedadense muito mais agradável.


No Brasil, a floração das cerejeiras costuma ocorrer entre a metade de julho até agosto. As flores delicadas de tonalidade que variam entre o branco e o rosa duram apenas duas semanas e são vários anos até a primeira florada.


Roteiro turístico


Piedade possui mais de 4 mil pés de cerejeiras. Tanto no campo quanto na cidade é possível admirá-las.



Na zona rural do município, existe um sítio com mais de 1200 pés de cerejeira formando um grande bosque exuberante.


As árvores foram plantadas há cerca de 40 anos por Gokithi Akisue, que antes da pandemia, abria as portas da propriedade para receber turistas e visitantes que assim como ele, adoram admirar as pequenas sakuras.


Tradição do Hanami



O Hanami - prática de contemplar ou apreciar as flores - é uma tradição muito antiga. De acordo com os registros, teve início no Período Nara no Japão (Séc. VIII).


Naquela época, outra espécie de árvore asiática, as flores de Umê, era o foco da apreciação. Nos séculos seguintes, a flor da sakura atraiu as atenções e originou o hanami.


A contemplação do florescer das cerejeiras na terra do sol nascente incluem desde piqueniques a diversas atrações. Todas sob as belas árvores em flor.


A flor de cerejeira tem significado singular para os nipônicos: é conhecida como a flor da felicidade, refletem ideais de pureza e simplicidade das pessoas.


A flor também simboliza a beleza e a efemeridade da vida terrena.



118 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo